Já descobriram a Lucuma?

Lucuma é um super alimento, que eu descobri recentemente. O que é? É um fruto natural da América do Sul, e tem inúmeros benefícios. Por cá a forma temos a versão em pó, e é cada vez mais fácil encontrá-los e lojas de produtos naturais, e não só também as grandes superficieis começam a oferecer este super alimento.

photo-1506368249639-73a05d6f6488.jpeg

https://unsplash.com/photos/vA1L1jRTM70

Este superalimento é um ótimo adoçante natural. Claro que quem está habituado a consumir açúcar vai achar que a Lucuma não adoça nada, mas quem como eu não consume açúcar, verá as propriedades adoçantes deste fruto. Podem colocar nas vossas panquencas, bolos, bolachas, basicamente em tudo ao que queiram dar um sabor mais adocicado e ligeiramente abaunilhado.

Mas os beneficios não ficam por aqui. A lucuma é rica em antioxidantes, rica em fibra, poder anti-inflamátoria, anti-viral e anti-bacteriano. É ainda bom para o sistema digestivo e ainda rico em vitaminas e mineriais. Só coisas boas.

Uma nota. Um superalimento é apenas isso mesmo, um superalimento. Não é a salvação para a nossa vida, nem para a nossa alimentação. Estes alimentos e superalimentos devem fazer parte da nossa alimentação, claro, mas é fundamental que esta se mantenha  o mais diversificada possível. No que toca a alimentação é preciso sempre ler muito, investigar e explorar, e é fundamental termos os conselhos de um nutricionista a quem possamos recorrer sempre que possível.

blog_signature

Anúncios

Como podemos comer melhor e ainda poupar uns trocos?

Todos deveríamos ter tempo para cozinhar e comer o que mais gostamos todos os dias, não é? Mas a verdade é que isso não acontece. Muitas vezes andamos atrás do tempo, comemos no carro, ou ao computador, ou ainda em sítios mais loucos e descabidos apenas porque comemos para sobreviver. Não planear o que comemos leva-nos, regra geral, a comer porcaria e gastar dinheiro desnecessariamente, o que ninguém quer (porque se for para comer porcaria então que seja intencional).

Deixo-vos 3 dicas, que resultaram comigo, para conseguir comer melhor.

  1. Ter uma lista mental ou escrita com o que vamos comer na semana ou próximos dias. É dificil? Se calhar sim, mas vai trazer frutos. Eu costumo idealizar por objetivos, por exemplo, se tenho trabalho 4 dias seguidos planeio o que comer nesses 4 dias e nas folgas seguintes logo preparo o restante. Esta lista Ajuda muito até no que toca a fazer compras. Sou das que não consigo fazer muitas compras e que acha que falta sempre alguma coisa. Normalmente falta-me é tempo!
  2. Ter sempre pontos seguros, e isto pode ser fruta, snacks ou sopa. Aquelas coisas que  podemos ter em grandes quantidades em casa e que nos podem safar em qualquer momento. Podem fazer os vossos snacks se quiserem reduzir o custo e os níveis de açúcar.
  3. Tirem tempo para comer. Eu falho imensas vezes aqui. Mas lembrem-se que é importante também descontrairmos um pouco. Comigo a comida tem um efeito terapeutico, relaxa-me. Parar um pouco faz parte, e vocês, assim como eu, podem dar-se a esse luxo.

blog_signature

4 coisas que podemos fazer para lidar com a desmotivação

Já todos nós em algum momento nos sentimos desmotivados, desinspirados em fazer algo em específico ou em geral na nossa vida. Não é uma situação muito agradável como se sabe. Basicamente não nos sai nada de novo ou criativo, sentimos-nos apáticos e desagradados com quase tudo. Regra geral a nossa capacidade de reação a um problema reduz drasticamente e um simples facto como não termos lavada a nossa camisa favorita torna-se uma problema à escala mundial.

Claro que cada um reage à sua maneira, mas a verdade é que estar desmotivado ou desispirado é uma seca e ninguém gosta de estar nesta situação.

nathan-lemon-482951-unsplash.jpg

Photo by Nathan Lemon on Unsplash

A boa notícia é que nós podemos fazer algo. Claro que não tenho uma solução mágica para vos trazer, mas há pequenas coisas que podemos fazer e estão ao nosso alcance. Claro que pode não resultar com todos vocês, mas vale a intenção de partilhar.

  1. Ler um bom livro. De preferência inspirador. Para quem gosta de ler é sempre bom quando temos um bom livro connosco. O que inspira cada um depende sempre do vosso gosto, mas eu gosto muito de um bom romance ou um livro de viagens. e vocês?
  2. Tirar uns dias num local inspirador. Sair da nossa rotina é sempre uma boa ideia quando parece que estamos agarrados à monotonia do dia a dia. Não precisamos ir para nenhum hotel dispendioso, e gastar 500€ num fim-de-semana. O nosso país está repleto de locais inspiradores e relaxantes, onde não precisamos gastar rios de dinheiro. Preciso é uma boa pesquisa. Leiam, investiguem e encontrarão o local secreto para uma escapadinha de dois dias.
  3. Decidam fazer um workshop sobre algo que gostam e sobre o qual querem saber mais, assistam a uma palestra, ou experimentem algo completamente novo e desafiante. A melhor forma de nos inpirarmos é fazermos o que mais gostamos. Quanto mais fizermos e falarmos sobre o que mais gostamos é a melhor forma de nos motivarmos com a nossa vida.
  4. Rodear-nos de quem nos faz bem. Pessoas e relacionamentos são essenciais na nossa vida. É importante sorrir e divertir-nos, e nada melhor que as pessoas que mais gostamos para nos fazer feliz.

Preparar o baile de finalistas

Chega Maio e começa a saga dos bailes de finalistas e acho que tenho algumas dicas que posso partilhar convosco.

1. Escolher o vestido é talvez a tarefa mais complicada e demorada. A net está carregada de sites com vestidos adequados para estes eventos. A minha recomendação vai para o atelier de costura da minha mãe, desculpem a publicidade, que faz os vestidos que vocês quiserem, e onde a criatividade é o limite! Deixo só uma dica: é muito importante pensarem no modelo, e imaginá-lo no vosso corpo. Há muitas sugestões na internet, mas há uma distância entre o que vemos e como nos assenta na realidade. E tal como acontece no cabelo e maquilhagem há uma distância entre as espectativas e a realidade. Portanto é sempre bom termos ideias, mas ouvirmos bons conselhos de quem sabe. 🙂

 

2. O cabelo pode ser um desafio. Porque não queremos ir demasiado clássicas, nem parecer que não fizémos nada. Recomendo sempre uma pesquisa rápida no Pinterest, que tem sempre as melhores sugestões. Ligar o vestido ao penteado pode ser sempre uma boa ideia. Deixo-vos algumas sugestões de penteados que podem ser perfeitos para esta ocasião.

52435dee07d61dfea961e3b803ecfa116400163c298fa1eb2485201caa4c7fdee963fdea90149b22095c47f6b0b5ddd7

(Nota: já se percebeu que gosto de tranças, lol)

3. A maquilhagem é o meu tema, e é um ponto essencial em qualquer festa. Queremos ir sempre bem maquilhadas, e mais bonitas for sure. É muito importante que em primeiro lugar aceitemos que vamos a nossa melhor versão, não réplicas baratas de outra pessoa qualquer. Procurem ser originais, e respeitem quem são. Dizem as regras que a maquilhagem de festa deve e pode abusar dos brilhos e neste momento continua a ser uma grande tendência. Brilhos, tons quentes (ótimos na primavera), pestanas exuberantes e iluminador on fleek são algumas das recomendações básicas que vos deixo. Os olhos tendencialmente são o maior destaque, mas claro que se o vosso gosto pessoal vos levar a destacar mais os lábios ao invés dos olhos não hesitem (mas definam sempre os olhos para que apareçam nas fotos). Quanto ao contouring sim, mas com prudência. A ideia não é alterar demasiado os vossos rostos, mas sim destacá-los. Harminizem os vossos traços e não os pesem. E acho que é isto (apenas!). Espero ter-vos ajudado. Alguma questão ou sugestão enviem mensagem por email ou facebook. Deixo-vos algumas sugestões de maquilhagens que eu própria levaria se voltasse aos tempos de baile de finalistas.

4ab4c6671e1f07e2c0ebaf850eb98a6efd61c127bbfa91160037f28a7c51a8cf

A minha (melhor) receita de panquecas.

Eu adoro o pequeno almoço. É de longe a minha refeição favorita e não a dispenso por nada. Se há um dia em que tenho trabalho cedo e não posso dedicar o tempo certo ao meu pequeno almoço merece.

Sempre que partilho fotos recebo uma chuva de perguntas de como faço as minhas panquecas e de forma a responder a todos, deixo-vos aqui a minha receita, que vai sendo atualizada. Aqui no blogue encontram outras receitas, mas esta é a minha receita favorita e melhorada. Espero que gostem.

3

Vamos precisar de:

2

Colocamos todos os ingredientes num processador e transformamos numa mistura homogénea. E é só criar as panquecas.

Gosto de as rechear com manteiga de amendoim e morangos, ou outra fruta (fica incrível com mirtilos, framboesas, amoras e manga).

É simples e tão, mas tão saboroso que não vão conseguir resistir a repeti-lo todos os dias.

Aguardo a vossa opinião.

blog_signature